" Se não houver frutos, valeu a beleza das flores;
se não houver flores, valeu a sombra das folhas;
se não houver folhas, valeu a intenção da semente"
Henfil

sábado, 13 de dezembro de 2008

Parodia em Flor

No meio de muitos vasos adormecidos, eis que este cacto decidiu dar flor pela segunda vez este ano.
Com muitos mais botões florais que no Verão, esta Parodia (assim se chama este ilustre) não ficou cansada, recusou-se a entrar no seu merecido período de repouso e está mais activa que nunca. 
Talvez por eu lhe ter começado a dar atenção esta Primavera, pois antes estava no chão, num canteiro de cactos, que viviam por si só, quase sem cuidados. 
Aqui se confirma que todos precisam de atenção, até aqueles que pensamos que são os mais resistentes de todos.
Inicialmente, coloquei-o num canteiro novo que tinha feito no jardim, mas na parte da frente da casa, onde estava mais "debaixo de olho". Passado pouco tempo já se viam sinais de desenvolvimento. 
Com a decisão de mudança de casa, eis que o mudei para um pseudo-vaso (mania de aproveitar! o famoso garrafão de água, ehehe). Não estranhou a mudança, continuou a crescer e pouco tempo depois começaram a ver-se os botões florais a aparecerem. 
Como andava com a cabeça feita num "molho-de-bróculos", não lhe dei grande atenção. Limitava-me a ver as flores, impávida e serena, sem fazer aquele "Ooooooohhhh" perante aquela maravilha. 
Entratanto mudámo-nos para aqui, o vaso esteve acompanhado dos outros vasos de cactos, até que o tempo começou a ficar pior e decidi recolhê-los para a estufa, para assim não apanharem água (espero...!) . Já dava sinais de novos botões florais, mas estranhei muito, não me parecia altura para isso. E por vezes, quando as plantas fazem isso, pode não ser bom sinal. Pode ser sinal de que não estão bem, e que para perpetuarem a espécie, antes de morrerem dão flores e sementes mesmo fora da época. Mas felizmente parece que não é esse o caso, pois a planta parece-me muito bem.
Já está em flor há algum tempo, tendo inicialmente aberto uma só flor, depois outra, e agora está assim como a vêem na foto. Ainda faltam muitos botões para abrir, há dias contei cerca de trinta botões (no Verão só deu oito). 
Hoje lá fui com o pincel tentar polinizar as flores, para ver se consigo algumas sementes. Nem seria normal se eu não o fizesse;) eu e as minhas polinizações, as minhas sementes e as novas plantinhas, que tanto me deliciam os olhos ao ver esse milagre da natureza. 

Assim, meus amigos, apresento-vos a Sra D Parodia herterii

13 comentários:

Ezequiel Coelho disse...

Que maravilha! e que extemporâneo, não? ;)
Estás cada vez mais cacto-viciada, não? ehehehehe
:)

ameixa seca disse...

Olha... é uma verdadeira paródia he he Tem uma cor fantástica!

Dani - Verde Novo disse...

QUE ESPETÁCULO... COMO PODE NASCER TANTA BELEZA NO MEIO DE TANTO ESPINHO? PROVA QUE MILAGRES EXXISTEM

Tereclopes disse...

Simplesmente maravilhosaaaa!!!

Dama do Lago disse...

Mas que festival :)!!! Não estavas a fazer aquele "Ohhhhhh!! mas a plantinha acabou mesmo por te chamar a atenção, como quem diz "Olha lá, até os bróculos são flores!!" ;) Bjs

Jardineira aprendiz disse...

Linda! Alguns dos meus também têm uns botõezinhos, mas mais escassos, e tenho algum receio que com este frio fiquem cozidos antes de dar flor. Mas este sabia que a dona merecia este presente ;)

Os cactos tem uns hábitos de floração um tanto estranhos, nunca percebi o que os leva a florir numa determinada altura, mas já reparei que frequentemente o fazem simultâneamente em diferentes espécies.

Adenium - Rosa do Deserto disse...

Simplesmente maravilhoso! Uma explosão de flores em meio a tantos espinhos! Parabéns! Vera Coelho

Maca disse...

Qué bién se porta la naturaleza con gente que cómo tú, ama las plantas; eso es un regalo para alegrarte el invierno,
Realmente hermosa.
Un beso

greenman disse...

Linda a D. Paródia... vestida de rosa-choque!!
:-)

Tricotes disse...

Fantástico!! :)

Cris Bolbosa disse...

Pois é Ez, está a ser dificil de controlar o vício, eheh. Como se não chegassem os bolbos, agora também os cactus;)

Ameixa, e a foto não está nada famosa. Agora, imagina ao vivo e a cores (cores a sério, eheh).

Dani, eu nunca me canso de dizer isto: todos os dias a natureza surpreende-nos.
Os cactos, apesar dos picos (alguns bem bonitos) têm flores fascinantes.

Tereclopes, obrigada. E agora que quase nada está em flor ainda "brilha" mais;)

Dama do Lago, é verdade, cada vez mais dou atenção a estes pequenos pormenores. E olha que desta vez fiz mesmo Oooooohhhhh:)

Jardineira, uma coisa que aprendi é que os cactos aguentam muito frio, desde que não estejam humidos. Caso contrário, correm sérios riscos.
Será por isso que estão a dar flores agora? Por pensarem que pode ser Verão? Mas falta o calor né? Já não percebo nada, aliás, cada vez sei menos, eheh.

Olá Vera, obrigada, parece mesmo uma explosão de flores.

Maca, muchas gracias por tus palabras. Y si, es un grande regalo, basta una cosa asi para me hacer feliz.

Green, a minha D. Paródia é muito colorida sim, e está toda vaidosa. Aliás, já não sei quem está mais, se ela se eu, eheh.

Tricotes, concordo plenamente contigo;)

Tere disse...

Ohhhh es preciosa. Felicidades por esa parodia! Saludos

Cris Bolbosa disse...

Tere, muchas gracias;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...