" Se não houver frutos, valeu a beleza das flores;
se não houver flores, valeu a sombra das folhas;
se não houver folhas, valeu a intenção da semente"
Henfil

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Isolada

Nestes últimos tempos tenho estado isolada do mundo.
Sem internet em casa e no trabalho pouco tempo para usá-la, foram quase duas semanas isolada deste mundo sem o qual já se torna difícil passar, ainda mais quando sabemos que desse lado estão pessoas às quais nos fomos ligando, pessoas reais, boas, amigas e preocupadas conosco.
Durante a semana passada tirei uma semana de férias para concluir as mudanças e as limpezas, e parece que agora as coisas já estão mais organizadas. Dentro de casa, porque o exterior, esse tem de ficar para quando voltar a "vontade".
Lembrei-me muito de todos vocês, mas nem tive tempo de ir a algum centro de internet para vos dizer alô.
Ontem voltei ao trabalho, mas o meu pc foi para manutenção. Hoje estou a escrever do pc de uma colega.
Logo que tenha internet, especialmente em casa, conto-vos como é o meu novo cantinho e como estão as minhas plantinhas.
Tudo de bom para todos

22 comentários:

Maca disse...

alégrome moito que voltaras.
Espero que neste descanso repuxeras forzas.
Un beijo moi grande

Florescer disse...

Hum que bom ouvir noticias tuas!!!
Pena o pc... mas são coisas inerentes às nossas vontades...
Espero que tenhas força para ires organizando tuas coisinhas e que em breve possamos ter o prazer da tua companhia...
Uma beijoka do tamanho do mundo!

Cris Bolbosa disse...

Maca, este periodo de descanso foy para trabajar en casa, solo he descansado del empleo. Ya no foy mal.
Ahora necesitaba de unas vacaciones en serio, solo para descansar, pero como no puede ser, voy trabajando, que hacer?

Florescer, hoje o pc voltou, mas está na mesma, sem rede, sem nada. Tenho montes de trabalho para fazer e sem ferramenta para isso.
As coisas estão-se organizando devagarinho, mas com tempo espero que tudo volte ao normal.

Bjcas

Cris Bolbosa disse...

Maca, este periodo de descanso foy para trabajar en casa, solo he descansado del empleo. Ya no foy mal.
Ahora necesitaba de unas vacaciones en serio, solo para descansar, pero como no puede ser, voy trabajando, que hacer?

Florescer, hoje o pc voltou, mas está na mesma, sem rede, sem nada. Tenho montes de trabalho para fazer e sem ferramenta para isso.
As coisas estão-se organizando devagarinho, mas com tempo espero que tudo volte ao normal.

Bjcas

miguel disse...

Força para levar tudo para diante.até um dia destes.Saudades

Maca disse...

tienes un cariño en mí blog,cuando puedas pásate.
un beso

Espaço do João disse...

Ainda bem. Já estávamos com saudades. Beijinhos amigos João

Ana Ramon disse...

Olá Amiga| Tenho passado menos vezes por este florido cantinho. Aliás como por todos os outros cantinhos devido a menos tempo disponível e a falta de vontade. Acontece a todos.
Hoje ainda estou de férias mas logo pela manhã resolvi dar uma espreitadela pelos amigos para saber o que têm andado a fazer e por isso aqui estou. Fiquei curiosa com a mudança para um novo espaço. Como está agora e como irá ficar com o tempo. Também ando às voltas com uma situação parecida que é ter ideias para tornar um terreno grande e cheio de ervas num local aprazível e sem gastar muito dinheiro. Ás vezes falta-me a coragem para meter mãos à obra. Noutras fico toda entusiasmada consultando livros e livros na esperança de ter grandes ideias. Por isso vim para a praia carregada de livros sobre paisagismo e jardins diversos. Vamos a ver como vou dar a volta ao problema.
SE vir muito movimento e boas ideias desse lado, certamente ficarei contagiada... e bem preciso :))
Beijinhos e bom regresso

sweet disse...

Já estava a ficar com saudades...

ameixa seca disse...

Também estive quase duas semanas sem net. Uma seca! Espero que esse novo cantinho seja aconchegante e que albergue a promessa de um futuro melhor ;)

Espaço do João disse...

Então a Cris Bolbosa não sabe que as plantas não devem ser retiradas do seu lugar só quando estão adormecidas? Se perdeste esse bolbo, garanto-te que te enviarei um outro. Espero que te dês bem no teu novo ninho. Beijinhos. joão

Benó disse...

Espero que ISOLADA seja só um título. Pois quem ama as flores etem um blogue nâo pode sentir-se isolada. Vá lá um sorrisinho para todos nós.
Votos de paz neste fim de semana outonal e

Seja Feliz!

Juanillo disse...

Hola guapísima mi portugues es malísimo y no se si he entendido muy bien el post... animo descansa que todo ira poco a poco colocandoce en su lugar. Un besote

Dama do Lago disse...

Já me dei conta que os computadores, telemóveis, etc. "gostam" de avariar ou de ficar fora de serviço justamente nas fases atribuladas. Talvez seja o Tao a dar-nos espaço para reflectir e reorganizar o mundo...

Marcelo disse...

Olá Cris,
sou um iniciante na jardinagem que te escreve do Brasil, conheci seu blog agora (estranhamente há poucos blogs bons e atualizados de jardinagem em portugues). Será que vc sabe me dizer como cuidar de piretros (Pyrethrum hybridum)? Já perguntei e procurei em vários lugares e não achei nada específico, nem na wikipédia. Se precisar, meu email é mmanilius@gmail.com. Até!

Florescer disse...

Oi, menina florida...
Que tens feito?!
Que pelo menos tenhas o previlégio de estar entre as tuas plantas... já basta o danado do computador...
Beijinhossssss gandessssss

Cris Bolbosa disse...

Miguel, obg ;)

Maca, ya tengo que ir buscalo y al otro tambien. Gracias. beso.

João, eu tb tenho tido saudades deste nosso universo.

Ana Ramon, por aqui tb há muito a fazer. E sinto o mesmo que tu, uns dias ando cheia de ideias, outros nem quero pensar nisso.
E tu, já decidiste o que fazer? Olha que o pior é começar, depois ganhamos-lhe o gosto e já não paramos enquanto não virmos as coisas a ganhar forma. A mim ainda falta o começo.
Por aqui é muito seco, e mexer na terra assim "tipo pedra" não é fácil. Talvez isso tb não ajude a ganhar entusiasmo. Espero que chova mais um pouco para conseguir moldar esta terra barrenta.

Sweet, idem;) obg

Ameixa seca, tem sido terrivel estar sem net. Nem imaginas as chatices que tive com esses senhores, é uma vergonha. Para publicitarem os serviços, prometem mundos e fundos, mas depois, quando já têm o cliente, é simplesmente uma vergonha, e não se preocupam minimamente em dar qualquer tipo de satisfação. Mas já passou, e agora já tenho net em casa. è engraçado que há pouco mais de um ano foi quando tive net em casa, até aí só tinha no trbalho e pouco frequentava (afinal estamos lá para trabalhar, certo! ;)) Agora, já dependemos da net como de tantas outras coisas e parece que nos falta algo quando não a temos!
Como dizia à Ana Ramon, quando começar vai ser dificil parar, há tanto para fazer, só espero ganhar vontade (venha a chuva) depressa, pois agora tenho tudo num caos;)

Cris Bolbosa disse...

João, eu sei, eu sei! Mas logo após darem a flor, antes mesmo de começarem a ganhar folhas.
Eu não perdi o bolbo, está agora a florescer, é liiiiiindo. Mas quem sabe se os teus não são uma outra variedade? Sabes, há plantas que parecem iguais, mas são diferentes. E assim, podia fazer polinização entre eles (eu e as minhas ideias!)

Benó, sim, isolada porque estive sem net este tempo todo. Não foi fácil, depois do periodo atribulado de mudança de casa, o caos por todo o lado, e eu sem net, imagina...Obg;)

Juanillo, lo que yo he dijo en el post es que tengo estado sin net. En casa, desde que he mudado para aqui, solo ahora consegui tener net. En lo trabajo no puedo perder tiempo en la net, y solo voy al email. mismo asi, tambien tuve problemas con el computador del tabajo, que foy una semana para la reparacion, en esa semana estuve de vacaciones, pensando que lo consertarian. Solo cuando volvi de vacaciones, he telefonado para los técnicos y por lo que entendi, ni le tocaran. Que rabia. Nesa semana pasé quase 4 dias sin pc, ni para trabajar podia.
Espiero que sea como tu dices, que todo se coloque en su lugar, poco a poco;)

Dama, que irritação que me faz quando estas máquinas decidem bloquear ou avariar. E quando começam a mostrar aqueles ecrans azuis, que foi o que aconteceu com o do trabalho!
Mas se calhar é como tu dizes, se estas coisas para nos entreterem, sobra-nos algum tempo para pensar noutras coisas;)

Olá Marcelo, seja bem vindo ao meu jardim, agora um pouco desorganizado.
Vou ser muito sincera consigo, aliás, é a minha forma de ser. Sobre essa planta não conheço nada, e não vale a pena estar a dizer-lhe que faça assim ou de outra forma porque não estaria ser correcta.
Estive à procura na net e encontrei dois sitios que talvez o ajudem nas suas dúvidas:
http://64.233.183.104/search?q=cache:NYciABqvHwMJ:produto.mercadolivre.com.br/MLB-69613958-_JM+Pyrethrum+hybridum&hl=pt-PT&ct=clnk&cd=3&gl=pt
http://www.new-agri.co.uk/03-6/develop/dev04.html
Se tiver alguma dúvida sobre bolbosas, aí talvez eu já saiba un pouco para o ajudar.
Visite os blogs de jardinagem que eu tenho do lado direito do blog, são muito interessantes.
Volte sempre que quiser, será bemvindo.

Florescer, parece que desta é que volto à actividade blogueira, eheh.
Depois de ter estado sem net, e no outro lado, com a net condicionada, eheh, agora quero "pôr a escrita em dia". Devagar, vou voltar à actividade.
Tenho continuado com as minhas sementeiras, que se forem avante só daqui por uns 4 ou 5 anos é que lhes vemos as flores. Mas essas estão dentro de casa, bem protegidas do frio e do calor.
Na rua, está tudo um pouco desorganizado, mas com o tempo vamos lá, assim o espero.

Bjs a todos

Espaço do João disse...

Vem depressa, estamos à tua espera. Quanto aos bolbos eu nunca costumo retirá-los do sítio onde os planto. Esta espécie pela 1ª vez deu uma semente que a guardo para ver se se reproduzem também . Actualmente só tenho dois bolbos, pois tenho oferecido a outras pessoas, mas não me é difícil arranjar outros.Acho graça que nunca cheguei a ver qualquer insecto nas suas flores, se houver polinização talvez através do vento. Recebe um beijo de amizade e regressa depressa ao nosso covívio.

Cris Bolbosa disse...

João, se só tens dois bolbos, toma bem conta deles. Olha que esta flor é tão rara de encntrar! Pensava que tinhas bastantes, por isso estava sempre a pedinchar-te.
Quanto à semente, tens um grande desafio pela frente. Gostava muito que a conseguisses fazer germinar. Como estás a fazer para que germine?

anete joaquim disse...

Os recomeços são sempre difíceis, mas são eles que nos levam ao amanhã. Um futuro que, esperemos, nos traga mais momentos dignos de serem vividos. É o que te desejo. Beijos

Cris Bolbosa disse...

Bolas, olha que este está ser muito, mas muito dificil. Ainda não consegui digerir isto tudo.
Mas hei-de ultrapassar, hei-de um dia lembrar-me destes momentos e pensar: já passou! Só espero que esse dia não demore muito, pois já estou cansada!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...