" Se não houver frutos, valeu a beleza das flores;
se não houver flores, valeu a sombra das folhas;
se não houver folhas, valeu a intenção da semente"
Henfil

quinta-feira, 26 de abril de 2007

Tinta para quê?



Dos muitos bolbos de Lillium que compramos, muito poucos correspondem às nossas expectativas em questão de cor, formato e cheiro. Mas há sempre alguns que ultrapassam qualquer ideia que tinhamos sobre eles.
Vale a pena esperar algumas semanas, sempre a contar os dias, para um desses dias, quando chegamos a casa, sentir um perfume doce e fresco que vem de algum lado. Ao procurarmos a sua origem, batemos com o olhar numa das mais belas obras da Mãe Natureza.

5 comentários:

carola disse...

FElicitaciones por vuestro blog y por vuestras flores. He linkeado la página en mi blog jardinero...

Saludos!

Anónimo disse...

Me encanta tu blog Cristina...Un beso,

Mónica
(Rosaterciopelo)

Cris Bolbosa disse...

Carola, tambien ya coloque tu link en mi blog.

Monica, que sorpresa tan buena foy tu visita. Gracias amiga, y siempre que quieras, estás en tu casa. Daqui a uns tiempos, verás aqui la fotos de tus Cardiocrinun.

Hasta luego
Cris

miguel disse...

Belas flores.Vou continuar a passar por cá para ir vendo as novidades.Os lilium são as minhas bolbosas favoritas pois as suas cores são fantásticas e nos orientais o cheiro é divino.Têm a vantagem de poderem ficar de um ano para o outro nos vasos e voltar a rebentar na Primavera.Estou ansioso par ver os meus este ano.

Cris Bolbosa disse...

Miguel, também gosto muito dos Lillium. Há uns tempos não lhes ligava muito, mas desde que descobri os orientais, com aquele cheiro que se sente à distância, quero sempre ter mais e mais.
Até já
Cris

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...